Arquivo

Archive for janeiro \29\UTC 2013

Administração e Matemática

Para ser um bom Administrador de Empresas ninguém precisa conhecer mais do que as quatro operações aritméticas.

 Estudantes

Cálculos fidedignos não podem ir além da simples aritmética ou da álgebra mais elementar. Toda vez que aplica matemática superior, o profissional está tentando suprir com teorias sua falta de conhecimento da matéria – Administração de Empresas. No entanto, o que se tem observado é que mesmo para utilizar estes conhecimentos matemáticos elementares existem muitas dificuldades por parte do profissional.

 tit_mkt_gestaoOutra dificuldade observada diz respeito à organização dos dados existentes.

Embora sabedores destes dados, a dificuldade consiste em compilá-los de forma didática. Ou seja, de forma a permitir uma análise eficiente.

No blog, tenho post de como compilar os dados de Estoque e dos Custos Fixos. São planilhas simples, mas que permitem análises eficientes. Todo e qualquer Administrador, Contador ou Estudantes de áreas afins, necessáriamente, devem conhecer estas técnicas de compilação de dados.

O profissional bem sucedido, é aquele que está aplicando com maestria estes conhecimentos. E por isso mesmo, além de ganhar a fama de intelectual, ganha também, promoções, reconhecimento e altos salários.

Com o intuito de compartilhar estes conhecimentos, publiquei o post: Testando conhecimentos, onde coloquei alguns problemas com os quais nos deparamos – quase que diariamente – nas diversas áreas da Administração Empresarial.

Inúmeros são os telefonemas que recebo, de pessoas envolvidas com a administração e a contabilidade – das empresas onde fiz consultoria – solicitando a resolução de problemas desta natureza.

Agora, estou postando mais alguns destes problemas, afirmando sempre, que os que dedicarem alguns minutos a este aprendizado, com certeza, estarão no caminho mais promissor para o reconhecimento profissional.

Imagem

Então, teste seus conhecimentos:

1 – Comprei um carro por R$ 20.000,00 e quero vender com um lucro de 20% sobre o PREÇO DE VENDA. Por quanto deverei vender este carro?

2 – Um prestador de serviço cobrou R$ 5.000,00 por um determinado trabalho. No entanto, após acertamos os detalhes, ele nos disse que o ISS de 5% e mais IR de 2% era por nossa conta e que o valor de R$ 5.000,oo era o valor líquido. Perguntou então qual o valor da nota fiscal que deveria emitir. Ou seja, qual o valor da nota, que após deduzido o ISS de 5% e o IR de 2%, iria resultar no valor líquido de R$ 5.000,00?

Para obter a resposta ao exercício 1, vá ao menu do blog: Preço de Venda, passo 1 e assista ao vídeo.

Para obter a resposta ao exercício 2, vá ao menu do blog: Preço de Venda, passo 2 e assista ao vídeo.

Lembrem-se: O Aprendizado é lento e de alto custo; aprender com a experiência alheia encurta o tempo e diminui o sofrimento.(Samuel Emery Lopes).

Se você gostou, por favor se inscreva e deixe seu comentário, é uma das formas que temos para saber se a matéria foi bem aceita. Ou seja, é o nosso feedback. Além do que, as próximas postagens serão encaminhadas diretamente para seu e-mail.


Inscreva-se AQUI para receber as próximas publicações GRÁTIS

Muito obrigado, sucesso, e até o próximo post.

Prof. Hamilton Alves

Conquistando seu emprego

Em uma certa manhã de fevereiro, há 25 anos atrás, estava eu no meio de uma entrevista, com o gerente financeiro da empresa com a qual, sempre sonhei em trabalhar. Estava muito confiante, pois estava seguindo os paradigmas tradicionais necessários à uma entrevista; quando de repente…começaram a surgir as perguntas técnicas, sobre meus conhecimentos, – eu recém-formado – fui respondendo, porém, já não mais tão seguro, pois da teoria à prática, o abismo é muito grande. O entrevistador, então, deflagrou a pergunta mortal: Porque a empresa deverá lhe contratar?

O resultado, vocês já podem imaginar…PERDI a oportunidade de conquistar O EMPREGO TÃO DESEJADO.

Hoje, com os recursos disponíveis na internet, só não adquire conhecimentos práticos os desinteressados.

Para se sair bem em uma entrevista, você precisa, além das técnicas tradicionais:

  • Como se posicionar na frente do entrevistador;
  • está vestido adequadamente – pois o mundo trata melhor quem se veste bem;
  • está atento às perguntas;
  • Chegar com antecedência, para sondar o ambiente;
  • Estudar um pouco sobre a empresa, entrando no site e pesquisando a respeito dos principais produtos e serviços;
  • etc. etc.

Entrevista

É necessário, também, demonstrar conhecimentos técnicos.

Uma das perguntas básicas – quase que em toda entrevista – é: por que a empresa deverá lhe contratar?

Se a vaga for para a área de Gestão Administrativa Financeira ou Contábil, então é hora de demonstrar os conhecimentos técnicos. Responda, sempre que possível, com a palavra PORQUE, pois esta palavra tem o poder de desarmar o cerébro do entrevistador;

  • Porque posso melhorar o Fluxo de Caixa da empresa;

Esta resposta irá causar grande impacto, pois todo empresário quer ter um Fluxo de Caixa capaz de cubrir seus compromissos correntes.

  • Porque posso melhorar a competitividade da empresa; e com isso, é claro, melhorar a lucratividade;

Esta é outra resposta de impacto fulminante. Qual o empresário que não que ver sua empresa mais competitiva e mais lucrativa.

  • Porque além de tudo isso, também vou analisar o volume de vendas. Ou seja, determinar seu Ponto de Equilíbrio operacional.

Este é outro item de suma importância, e que pouquíssimas empresas tem estes dados.

Agora, vamos para a parte mais difícil. Porém, não dolorosa, e com um pouquinho de dedicação, logo,logo, você será um expert no ssunto.

Estudante

  1. Como melhorar o Fluxo de Caixa: Uma das técnicas, é aprender a analisar as variações de preço e de quantidade – mensalmente – dos estoques de Matéria-prima, Produtos acabados e Material de embalagem. Para isso, no menu deste blog, vá em GESTÃO FINANCEIRA: Análise de Estoque, lá encontrará um podcast ensinando esta técnica.
  2. Como melhorar a competitividade da empresa: Hoje, pouquíssimas empresas têm o controle dos Custos Fixos, e estes, mal administrados, reduzem, tanto a competitividade, quanto a lucratividade. Também em GESTÃO FINANCEIRA, você encontrar como elaborar uma planilha destes custos e como analisá-los.
  3. Como determinar o Ponto de Equilíbrio Operacional: Este é um pouco mais complicado. Porém exite uma abordagem do ponto de vista matemático, que irá lhe orientar como determiná-lo. Vá em GESTÃO FINANCEIRA.

A melhor parte de tudo isso, é que após este aprendizado, – que não se aprende nas universidades desse jeito – vocês conquistarão o emprego tão desejado. Acreditem, estou lhes assegurando, com conhecimento de causa, que as chances da conquista são de, aproximadamente, 95%. Para você que já está trabalhando, seja atrevido(a), e tente implantar qualquer um desses controles. Também, lhes asseguro, SERÁ o passaporte para o seu SUCESSO.

Lembrem-se: O Aprendizado é lento e de alto custo; aprender com a experiência alheia encurta o tempo e diminui o sofrimento.(Samuel Emery Lopes).

Se você gostou, por favor se inscreva e deixe seu comentário, é uma das formas que temos para saber se a matéria foi bem aceita. Ou seja, é o nosso feedback. Além do que, as próximas postagens serão encaminhadas diretamente para seu e-mail.
Inscreva-se AQUI para receber as próximas publicações GRÁTIS

Muito obrigado, sucesso, e até o próximo post.

Prof. Hamilton Alves

%d blogueiros gostam disto: